100%

Contratados em caráter temporário não terão licença para tratar familiares adoentados

Os vereadores de Lages deram aprovação legislativa ao projeto de lei complementar 031/2017, proposto pela Prefeitura Municipal, que proíbe a concessão de licença para os servidores contratados em caráter temporário que o requerem para acompanhar o tratamento de saúde de familiares.

A justificativa do prefeito Antonio Ceron (PSD) é que a admissão destes servidores já acontece por tempo determinado, como forma de atender a excepcional interesse público, e que a respectiva função demanda a permanência inadiável destes no desempenho de suas atribuições sob o risco de evitar prejuízo ao serviço público.


Fotos: Prefeitura de Lages, via Rádio Clube de Lages / Nilton Wolff (Câmara de Lages)

Everton Gregório - Jornalista 
Assessoria de Imprensa - camaralages@camaralages.sc.gov.br   
(49) 3251-5416
Protocolos desta Publicação:Criado em: 31/10/2017 - 03:06:44 por: Deise Ribeiro - Alterado em: 31/10/2017 - 03:06:44 por: Deise Ribeiro

Galeria de Fotos

Poder Legislativo reverencia os 50 anos da CDL Lages
Poder Legislativo reverencia os 50 anos da CDL Lages

A cerimônia foi proposta de maneira conjunta pelos vereadores e contou com a presença do prefeito Antonio Ceron (PSD), membros da direção, colaboradores e antigos dirigentes da CDL, representantes do comércio local e convidados.

Câmara recebe profissionais da imprensa lageana
Câmara recebe profissionais da imprensa lageana

“Sempre fui um apaixonado e um aliado da imprensa, por isso quero ela perto de nós, para que acompanhe nossos trabalhos e mostre a história como, de fato, acontece. Ela nos cobra, mas também nos ajuda muito”, defendeu o presidente Luiz Marin.